1963 Lancia Flaminia

GT 3C 2,8 Convertible

Summary

  • Year of manufacture 
    1963
  • Car type 
    Other
  • Lot number 
    216
  • Drive 
    RHD
  • Condition 
    Used
  • Location
  • Exterior colour 
    Other

Description

  • 74th of 180 examples built
  • Desirable Argento Auteuil Metallic–over-red-leather colour scheme
  • Touring Superleggera alloy body

Lancia’s Flaminia line was called ‘the Italian Mercedes’ for its superior build quality, refinement, and handling when compared to Ferrari and Maserati. The successor to Lancia’s groundbreaking Aurelia, the Flaminia featured a modern V-6 with rear-mounted DeDion transaxle and double-wishbone front suspension. As was their practice, Lancia supplied coachbuilder’s platforms to Pinin Farina, Zagato, and Carrozzeria Touring, who built the rakish two-seater GT and GT Convertible with their patented Superleggera aluminium body construction.

The car presented here, chassis number 826.134-1074, is finished in Argento Auteuil Metallic over red leather and is equipped with a period Becker Mexico AM/FM stereo. With triple Weber double-downdraft carburetors in 2.8 3C form, giving 150 bhp, the GT Convertible is a grand tourer built for covering long distances in comfort and style. Residing in Portugal since 2006, this would be an excellent choice for someone looking to enjoy the thrills of open-top motoring in quintessential Italian style.

  • O 74º. de 180 exemplares produzidos
  • Desejável combinação cinzento Argento Auteuil Metallic e interior em pele vermelha
  • Carroçaria em alumínio Touring Superleggera

A gama Flaminia da Lancia era chamada “o Mercedes italiano” devido à sua qualidade de construção, requinte e comportamento, superiores aos Ferrari e Maserati de então. Sucessor do revolucionário Lancia Aurelia, o Flaminia dispunha de um moderno V6, caixa montada atrás, em transaxle, com eixo DeDion e suspensão de triângulos sobrepostos à frente. De acordo com a prática habitual, a Lancia fornecia o Flaminia em plataforma às empresas de carroçarias, como a Pinin Farina, a Zagato e a Carrozzeria Touring, que depois produziam os arrojados GT de dois lugares e o GT Convertible. Este último tinha carroçaria em alumínio realizada de acordo com o sistema patenteado Superleggera, da Touring.

O automóvel apresentado aqui, com o número de chassis 826.134-1074, está lacado em cinzento Argento Auteuil Metallic, com o habitáculo forrado a pele vermelha e equipado com o rádio Becker Mexico de AM e FM contemporâneo. Com três carburadores duplos invertidos Weber, o motor 2.8 3C debita 150 cv, uma potência respeitável para um GT descapotável, construído para percorrer longas distâncias, em conforto e com elegância. Residindo em Portugal desde 2006, este Flaminia será uma excelente escolha para quem queira apreciar as emoções da condução, cabelos ao vento, num estilo intrinsecamente italiano.

Please note this car is titled as 1968

Por favor tenha em atenção que este automóvel está titulado como sendo de 1968

To view this car and others currently consigned to this auction, please visit the RM website at rmsothebys.com/en/auctions/pg19.